Estratégias de responsabilidade socioambiental para gestão de empresas

15 de Agosto de 2019

Estratégias de responsabilidade socioambiental para gestão de empresas

O contexto mundial atual tem gerado mais necessidade nas organizações de estabelecerem modelos de gestão mais sustentáveis para o Planeta. O tratamento das questões ambientais e sociais como estratégias é capaz de proporcionar vantagens na identificação de novas oportunidades de negócios para as empresas.

Através da utilização de sua performance ambiental como fonte de vantagem competitiva, as empresas podem adquirir uma postura mais pró-ativa, pois a partir de uma análise mais detalhada do impacto que a organização exerce sobre o desenvolvimento sustentável, é que opções poderão ser feitas no sentido de reduzir riscos e maximizar resultados.

A responsabilidade social surgiu como uma ferramenta para que as empresas divulguem suas ações em busca da sustentabilidade, contribuindo para uma melhor imagem organizacional perante a sociedade.

Uma empresa responsável socio ambientalmente, é aquela que opta por políticas de responsabilidade social em seu planejamento estratégico, busca processos produtivos mais limpos, implanta uma eficiente gestão de resíduos através da logística reversa, promove programas de educação ambiental e fomenta a conscientização da população para o consumo consciente.

Dentre os benefícios que a responsabilidade social e ambiental traz para as empresas, primeiramente destaca-se o impacto positivo no meio ambiente. Quanto menos matérias-primas são extraídas, e quanto mais destes recursos naturais são reaproveitados dentro do mesmo processo produtivo, menor é o impacto da empresa no meio ambiente.

Outro benefício é a valorização da marca junto aos consumidores, visto que vivemos uma época onde cada vez mais as pessoas têm mudado seus hábitos de consumo, dando preferência à produtos de empresas que tenham responsabilidade social e ambiental em sua produção.

É importante destacar que a responsabilidade socioambiental deve fazer parte da estratégia e da cultura das empresas, sejam elas pequenas ou grandes. Ações simples, como por exemplo, fazer campanhas de doações a entidades carentes e desenvolver projetos para a comunidade próxima à empresa, fazer parcerias com cooperativas de reciclagem, incentivar o uso de copos e canecas pessoais ao invés de utensílios de plástico e o uso de maquinários que economizam água, energia e matéria-prima.