BOAS PRÁTICAS PARA APLICAR OS 3R’s NAS EMPRESAS

12 de Fevereiro de 2019

BOAS PRÁTICAS PARA APLICAR OS 3R’s NAS EMPRESAS

Os 3R’s é uma sigla que se refere à redução, à reutilização de materiais e à reciclagem de resíduos. É um dos conceitos centrais da sustentabilidade e prática cada vez comum nas empresas, que descobriram que sua aplicação pode representar uma oportunidade de redução de custos, além de melhorar a imagem do negócio perante seus clientes, fornecedores e sociedade em geral.
A política dos 3R’s segue a ideia de que é preciso, além de reciclar, evitar a geração de resíduo. No entanto, uma empresa que deseja adotar o conceito dos 3R’s deve começar seu planejamento respondendo as seguintes perguntas com o objetivo de minimizar o impacto ambiental:
- O que poderia ser reduzido (na empresa)?
- O que poderia ser reutilizado?
- O que poderia ser reciclado?
A partir daí algumas ações podem começar a fazerem parte da rotina da empresa, como por exemplo:
- Sempre que possível, optar pelo uso de e-mails e meio de comunicação online, ao invés do uso de papéis;
- Optar pelo armazenamento de arquivos em servidores ou na nuvem, ao invés de versões impressas;
- Utilizar ambos os lados da folha na hora da impressão;
- Reutilizar folhas de papel como rascunho;
- Substituir os copos plásticos dos colaboradores por canecas;
- Fomentar a prática da separação de resíduos de forma correta em todos os setores da empresa;
- Estabelecer ações educativas voltadas à redução dos desperdícios na organização;
- Optar por brindes e materiais reciclados ou reutilizados;
Os 3R’s não devem ser encarados como uma ferramenta que será aplicada de tempos em tempos. Eles devem ser incorporados na cultura da empresa, nas ações diárias dos colaboradores e entre os itens de avaliação de desempenho de todos na organização.
Mais que uma ferramenta de sustentabilidade, os 3R’s são uma política de aumento de eficiência e redução de custos. Ao reduzir o desperdício na sua empresa não apenas se reduz o impacto no meio ambiente, mas também torna o seu processo como um todo mais eficiente, podendo levar a grandes economias e outros benefícios como:
- Preservação dos recursos naturais;
- Redução do desperdício de materiais;
- Redução de custos operacionais;
- Melhora da imagem institucional da empresa;
- Eficiência da gestão de resíduos.